INSERÇÃO DO FISIOTERAPEUTA NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA: DA GRADUAÇÃO À ATUAÇÃO PROFISSIONAL

Autores

  • Ana Cláudia Conceição da Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.
  • Thais dos Santos Santana Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.
  • Dalaine Nogueira Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.
  • Bruna Santos Lima Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.
  • Andressa Jesus Novaes Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.
  • Mariana Queiroz Souza Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Palavras-chave:

Estratégia de Saúde da Família, Atenção Primária à Saúde, Fisioterapia

Resumo

Introdução: A atuação do profissional fisioterapeuta na Estratégia de Saúde da Família (ESF) permite atuação no âmbito da promoção, prevenção e manutenção da saúde dos indivíduos e da coletividade. Objetivo: Avaliar a inserção do fisioterapeuta na ESF desde a graduação até a atuação profissional. Método: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, realizada mediante pesquisa efetuada nos meses de agosto e setembro de 2019, nas bases de dados BVS e SciELO, com os Descritores em Ciências da Saúde (DeCS): Estratégia de Saúde da Família; Fisioterapia; Atenção Primária à saúde. Os critérios de inclusão foram: artigos completos, publicados nos idiomas português, espanhol e inglês, nos últimos dez anos. Resultados: Foram identificados 14 artigos, no período 2011 a 2018, que abordam a temática. Discussão: Os achados culminam para a importância da atuação do fisioterapeuta na ESF, e as barreiras enfrentadas, inclusive a não priorização da gestão, e o reduzido número de estudos que explore o tema. Conclusão: A inserção do fisioterapeuta na ESF, ainda é um desafio. Acredita-se que a obrigatoriedade do profissional na Atenção Primária à Saúde está em fortalecimento, assim como a mudança de práticas dos gestores, para além da reabilitação.

Biografia do Autor

Ana Cláudia Conceição da Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Doutora em Medicina e Saúde Humana-EBMSP. Mestre em Saúde Coletiva-UEFS. Professora Adjunta do Departamento de Saúde I-UESB.

Thais dos Santos Santana, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Graduanda em Fisioterapia, Departamento de Saúde I, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB.

Dalaine Nogueira Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Graduanda em Fisioterapia, Departamento de Saúde I, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB.

Bruna Santos Lima, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Graduanda em Fisioterapia, Departamento de Saúde I, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB.

Andressa Jesus Novaes, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Graduanda em Fisioterapia, Departamento de Saúde I, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB.

Mariana Queiroz Souza, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB. Departamento de Saúde I.

Graduanda em Fisioterapia, Departamento de Saúde I, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB.

Referências

1. Rodriguez MR. Análise histórica da trajetória profissional do fisioterapeuta até sua inserção nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF). Com. Ciências Saúde. 21(3):261-266; 2011.

2. Braghini CC, Ferretti F, Ferraz L. Atuação do fisioterapeuta no NASF: percepção dos coordenadores e da equipe. Fisiot. Mov. 29(4); 2016.

3. Rangel Neto NC, Aguiar AC. A Atenção Primária à Saúde nos cursos de graduação em Fisioterapia no município do Rio de Janeiro. Trab. educ. saúde. 16(3): 1403-1420; 2018.

4. Fernandes JM, Rios TA, Sanches VS, Santos MLM. As ferramentas do NASF nas práticas em saúde de fisioterapeutas. Fisioter Mov. 29(4):741-50; 2016.

5. Ferretti F, Nierotka RP, Braghini CC, Teo CRPA, Ferraz L, Fanticelli ML. Inserção do fisioterapeuta na equipe Estratégia Saúde da Família: olhar do usuário. Fisioter Mov. 28(3): 485-93; 2015.

6. Freire APCF, Palma MR, Lacombe JCA. Martins RML, Lima RAO, Pacagnelli FL. Implementação de ações fisioterapêuticas na prevenção de complicações do diabetes na Estratégia de Saúde da Família. Fisioter Mov. 28(1): 69-76; 2015.

7. Ferretti F, Lima L, Zuffo A. Percepção dos profissionais do Programa Saúde da Família sobre a necessidade de inserção do fisioterapeuta na equipe. Fisioter Mov. 27(3):337-47; 2014.

8. Ribeiro CD, Flores-Soares MC. Situações com potencialidade para atuação da fisioterapia na atenção básica no Sul do Brasil. Rev Panam Salud Publica. 36(2):117-23; 2014.

9. Souza MC, Araújo TM, Reis Júnior WM, Souza JN, Vilela ABA, Franco TB. Integralidade na atenção à saúde: um olhar da Equipe de Saúde da Família sobre a fisioterapia. O Mundo da Saúde. 36(3):452-460; 2012.

10. Braghini CC, Ferretti F, Ferraz L. Atuação do fisioterapeuta no contexto dos núcleos de apoio a saúde da família. Fisioter Mov. 30(4):703-13; 2017.

11. Seriano KN, Muniz VRC, Carvalho MEIM. Percepção de estudantes do curso de fisioterapia sobre sua formação profissional para atuação na atenção básica no Sistema Único de Saúde. Fisioter Pesq. 20(3): 250-255; 2013.

12. Medeiros PA, Pivetta HMF, Mayer MS. Contribuições da visita domiciliar na formação em fisioterapia. Trab. Educ. Saúde. 10(3):407-426; 2012.

13. Neves LMT, Acioli, GG. Desafios da integralidade: revisitando as concepções sobre o papel do fisioterapeuta na equipe de Saúde da Família. Interface-Comunic. Saúde, Educ. 15(37):551-64; 2011.

14. Souza MC, Bomfim AS, Souza, JN, Franco TB. Fisioterapia e Núcleo de Apoio à Saúde da Família: conhecimento, ferramentas e desafios. O Mundo da Saúde. 37(2): 176-184; 2013.

15. Ribeiro CD, Flores-Soares MC. Desafios para a inserção do fisioterapeuta na atenção básica: o olhar dos gestores. Rev. salud pública. 17(3): 379-393; 2015.

16. Bezerra MIC Lima MMR, Lima, YCP. A visita domiciliar como ferramenta de cuidado da fisioterapia na estratégia saúde da família. Sanare. 14 (1): 76-80; 2015.

17. Brasil. Ministério da Saúde: Diário Oficial da União. Portaria nº 18, de 7 de janeiro de 2019. Disponível em: . Acesso em: 29 set 2019.

Publicado

2020-12-21

Como Citar

Silva, A. C. C. da, Santana, T. dos S., Silva, D. N., Lima, B. S., Novaes, A. J., & Souza, M. Q. (2020). INSERÇÃO DO FISIOTERAPEUTA NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA: DA GRADUAÇÃO À ATUAÇÃO PROFISSIONAL. Revista Brasileira De Saúde Funcional, 12(1), 87. Recuperado de https://seer-adventista.com.br/ojs3/index.php/RBSF/article/view/1203