SEALING TERMINOLOGY IN THE ALEXANDRIAN JUDAISM AND THE GRAECO ROMAN WORLD

Autores

  • Carlos Molina Andrews University - USA

Resumo

RESUMO

A ideia de selamento teve uma variedade de conotações na Antiguidade. Nos escritos de Filo, por exemplo, sfragi,j -semento- era usado num sentido figurado e indicativo. No mundo greco-romano, existem pelo menos seis vocábulos gregos relacionados ao selamento e dois outros da mesma língua que conectam este conceito de marcação com o comportamento e as ações de uma pessoa. O propósito deste artigo é estabelecer a importância histórica que o selamento condensou para as audiências originais no judaísmo alexandrino e para a população greco-romana. Este objetivo é descrito através de um breve estudo de diferentes termos a fim de facilitar uma plataforma de compreensão sobre como os judeus alexandrinos e greco-romanos viam o significado do selamento ou marcação.

ABSTRACT

 

The idea of sealing had a variety of connotations in antiquity. In Philo’s writings, for instance, sfragi,j -sealing- was used in a figurative and indicative sense. In the Graeco Roman world there are at least six Greek vocables related to sealing and two other words from the same language that inclusive connect this “marking” concept with person’s behavior and actions. The purpose of this paper is to establish the historical importance that sealing compressed for the original audiences in Alexandrian Judaism and for the Greco Roman population. This goal is described through a summary study of different terms in order to facilitate a platform of understanding in how Alexandrian Jews and Greco Romans viewed the sealing or marking meaning.

 

Publicado

2011-01-15

Como Citar

Molina, C. (2011). SEALING TERMINOLOGY IN THE ALEXANDRIAN JUDAISM AND THE GRAECO ROMAN WORLD. Revista Hermenêutica, 11(2). Recuperado de https://seer-adventista.com.br/ojs3/index.php/hermeneutica/article/view/249

Edição

Seção

Artigos